4.2.11

[Resenha] Para Sempre, Os Imortais #1 - Alyson Nöel

Olá pessoal :D
Tudo bem vocês?
Eu sei que não tenho aparecido muito por aqui, mas é que com essa correria de volta às aulas já viu né.
Minhas aulas começam na terça-feira e vai ser meio complicado eu postar por aqui. Mas, vou ver o que posso fazer para não deixar vocês sem nada.
Então, hoje eu vou resenhar um dos meus livros favoritos. Chega de papo e vamos logo ao que interessa.



Título: Para Sempre, Os imortais
Autora: Alyson Nöel
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 295
Sinopse: Ever Bloom tinha uma vida perfeita: era uma garota popular, acabara de se tornar líder de torcida do principal time da escola e morava numa casa maravilhosa, com o pai, a mãe, uma irmãzinha e a cadela Buttercup. Nada no mundo parecia capaz de interferir em sua felicidade, o céu era o limite! Até que um desastre de automóvel transformou tudo em um pesadelo angustiante. Ever perdeu toda a sua família. Mudou de cidade, de escola, de amigos, e agora, além de todas essas transformações em sua vida, ela precisa aprender a conviver com uma realidade insuportável: após o acidente, ela adquiriu dons especiais. Ever enxerga a aura das outras pessoas, pode ouvir seus pensamentos e, com um simples toque, é capaz de conhecer a vida inteira de alguém. É insuportável. Ela foge do contato humano, esconde-se sob um capuz e não tira dos ouvidos os fones do i-pod, cujo som alto encobre o som das mentes a seu redor. Até que surge Damen. Tudo parece cessar quando ele se aproxima. Só ele consegue calar as vozes que a perturbam tão intensamente. Ever não entende o porquê disso, mas é incapaz de resistir à paz que ele lhe proporciona, à sensação de, novamente, ser uma pessoa normal. Ela não faz ideia de quem ou o quê Damen realmente é. Sua única certeza é estar cada vez mais envolvida... e apaixonada.

Eu lembro muito bem de como e por que eu comecei a ler Para Sempre. Eu o ganhei do meu ex-namorado, no natal de 2009. Como nesse ano eu e minha família ficamos em casa mesmo, estava um tédio total. Então, sem nada para fazer, eu resolvi abrir meu presente e me deparei com essa maravilha. De primeira me apaixonei pela capa e, na hora, pensei que fosse mais uma estória de vampiros então comecei a ler. E não consegui parar.

Só parei quando minha mãe me mandou desligar a luz do quarta às três da manhã. Mas acordei cedo "no outro dia" e terminei de lê-lo. Me apaixonei pela estória.
Esse é aquele tipo de livro que te prende do início ao final e, por ele ser curtinho, dá pra ler em uma noite.
Ever Bloom era uma adolescente como outra qualquer, até que em um trágico acidente, pelo qual ela se sente culpada, 
toda sua família e sua cadela Buttercup acabam morrendo.
A partir de então, ela tem que deixar sua escola, sua casa e sua vida no Oregon, para ir morar com sua tia Sabine, irmã gêmea de seu pai e única parente viva, na Califórnia.
Mas há um pequeno problema: ela mudou desde o acidente. Ela adquiriu estranhos poderes, que considera ser o seu castigo pelas vidas que interrompeu. Ela passa a ver a aura das pessoas, ouvir seus pensamentos e saber tudo da vida de alguém com um único toque.
E, por isso, ela muda completamente. Até na forma de se vestir. Usando sempre roupas largas, moleton com capuz, óculos escuros e i-pod.
Ela é bastante fechada, até mesmo com sua tia, que mal para em casa.
Seus melhores amigos, são Miles e Haven, os únicos que falam com ela, com exceção de Riley, sua irmã morta.
Até que, chega um aluno novo para remexer ainda mais na já complicada vida de Ever. Damen Auguste, que acaba de chegar do Novo México, e tem a incrível capacidade de calar todas as vozes ao redor.
No início, ela faz de tudo para se afastar do garoto, mas logo isso se torna impossível, pois além de o garoto ser completamente perfeito, eles tem uma ligação de séculos.
E aí que se inicia uma linda história de amor, mas que terá muitos empecilhos pelo caminho, como a ex-mulher de Damen, a ruiva e linda, Drina.
Esse livro é completamente apaixonante. É impossível não se ver torcendo pelo final feliz de Ever e Damen, apesar da garota ser extremamente paranóica e chata às vezes.
Além do romance entre o casal principal, há partes engraçadas no livro, protagonizadas principalmente por Riley, que tenta a todo custo mudar a irmã.
Recomendadíssimo para quem ama um romance com um toque de sobrenatural.
Vou ficando por aqui.
Beijos e até mais.

21 comentários:

A Bloqueira disse...

Ah, adorei a resenha ;* Já vi muitas criticas sobre a Ever, ser chata 'Haha, e confesso que até então o livro nunca tinha despertado a minha atenção. Mas agora, está na minha imensa fila de compras.
Beijos&beijos

Anna Furtado disse...

Oi Amanda, ah, concordo com você! Eu simplesmente amei a série, tanto que se tornou a minha preferida! Beijocas :*

http://myevery-thing.blogspot.com/

Ila Gabriela disse...

Ha nao sei, posso estar errada mas nao tem nada de mt criativo q desperte mt a minha atenção, porém fiquei curiosa pra ler XD...

Vanessa News disse...

Parabéns pela resenha Amanda! Muito em breve pretendo a série Os Imortais. Beijos!

Mariana Ribeiro disse...

Oi Amanda,por enquanto este série está mais no finalzinho da minha imensa lista de desejados rsrs. Mesmo assim eu gostei muito da sua resenha. Muito blogueiros falam super bem do livro, mas não despertou muito o meu interesse.
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Glaucea Vaccari disse...

eu comprei toda a série Os Imortais, daí comecei a ler um monte de resenha falando mal da Ever que desanimei e tá aqui na pilha ainda sem ler...
Mas eu gostei da sua resenha. Acho que vou pular ele na fila e ler de próximo *-*

PS: tem selinho pra vc no blog.

Bjoo

Caroline Juliane Bonifácio disse...

OMG!!! hsuhs' acredite! que eu li para sempre e me apaixonei! Mas eu me decepcionei muito com o segundo livro da série!Adorei a resenha!
Beijos
Carol {SobreUmLivro}

RaissaDebora disse...

parece bem legal!
me lembrou mt true blood com esse lance de ler mente e ter paz com um pessoa em especial.
Ainda n vai entrar na minha lista de compras, mas quem sabe um dia :D

letracomasa.blogspot.com

Clarissa Barbosa disse...

Nossa. Juro que nunca nem tinha ouvido falar dessa série! o.O
Meu Deus, que desatualizada que eu sou!
Agora, depois dessa resenha, me deu muita vontade de ler.
Ja está na minha lista de desejados!

Beijos Mandita!

Caue1507 disse...

preciso ler esse livro urgentemente tbm! gooosh, minha lista para leitura tah enorme! adorei a resenha e espero conseguir esse livro logo! =]

--
hangover at 16

Cyanne disse...

Eu até gosto de romances com toques sobrenaturais, mas de verdade esse livro nunca me chamou a atenção...
Gostei da resenha, me deu até uma vontade de ler, quem sabe, né?

http://nodivadamoca.zip.net/

táh lira disse...

EUSHEHSUEHSUHEUS, ooooi mulher! finalmente to retribuindo os selinhos que me destes *-*
ouun ta aqui os selinhos que deixei pra ti lá no blog:
oooi amor tudo boom? deixei um selinho para ti lá no blog hihi *-*
beeeijos.
http://owbook.blogspot.com/2011/02/selinhos-respostas-das-blogueiras-do.html
beeijos amr

Entre Fatos & Livros disse...

Ainda não li nenhum livro da série, mas sou doida para ler. Tdo o que leio sobre esses livros me deixa morrendo de cuiosidade.

BjoO
Pri
Entre Fatos e Livros

Tiffannyk disse...

Nunca havia visto alguém falar do livro, mas adorei a sinopse e a sua resenha. E olha que eu passo longe de livros de vampiros. Vai pra lista, com certeza.

Kmila Zaoldyeck disse...

oi Amanda! Você foi convocada a aceitar um desafio! Veja aqui: http://thundersempire.blogspot.com/2011/02/desafio-leitura-nacional.html

Jusce disse...

Ei Amanda! Você anda sumida mesmo... e eu também. rsrrsrs. Gosto muito das suas resenhas

Katherine disse...

Hey querida eu tenho uma proposta para te fazer: Você topa ser entrevistada por mim e a entrevista vai para o Descoberta Literaria. Topa? Você vai ser a primera em (olha que chic kkkkk)

Bjuss

Katherine

Thais disse...

Hey flor.. Desculpa a demora para passar no seu blog, fiquei um tempo sem ler e o skoob ficou as moscas. Mas então, acabei a 5 minutos de ler Para Sempre, e infelizmente não compartilho do seu amor. Achei a escrita da autora muito massante, ou pode ser a tradução, mas pareceu um relatório, sei lá.. E a Ever é tão fútil e egoísta.. Nem do Damen eu consegui gostar. Acho que a única coisa que gostei foi do Miles, amigo gay dela.. O resto é muito sem conteúdo, sem pesquisa.. Ela fica se remoendo, querendo sofrer, prefere usar o dom dela para pagar a culpa mas adora quando o Damen e a birita livra ela das coisas.. O problema dela é só com a Ava então, não com o remorso e a penitência.. Isso foi muito mal explorado, desculpa aí.. Eu detestei. Só terminei mesmo porque eu me sinto muito mal em parar um livro no meio, é compulsão já. Mas eu amei o seu blog e já estou seguindo.. Beijinhos, e pode add no skoob se quiser. *--*

Heloisa Pacheco disse...

Olá Amanda =D
Aqui eu dando uma passada no blog!
A resenha ficou bem legal, mas adimito que não consegui ler o livro. 20 páginas e eu comecei a me irritar com a personagem principal e com tantos livros bons na estante, bem, eu fui me dedicar a eles #fato.
Mas até me deu vontade de lê-lo viu, vou ver se consigo o feito esse ano.
Beijos Flôr
Heloisa Pacheco
Up Read
http://upread.blogspot.com/

Biassinhaa disse...

gostei da resenha, eu estava em duvida se lia ou não esse livro, mas acho que vou ler sim, gostei da resenha deu vontade de ler hahah

Marcos Barbosa disse...

Curiosíssimo para ler esse livro *--*